A teoria dos jogos para derrotar o feminismo: Fazer concessões é o pior caminho para conseguir a paz

08/10/2013 10:35

 

A teoria dos jogos para derrotar o feminismo: Fazer concessões é o pior caminho para conseguir a paz

 




 




 
A teoria dos jogos é o estudo das tomadas de decisões entre indivíduos quando o resultado de cada um depende das decisões dos outros, numa interdependência similar a um jogo.  A teoria dos jogos estuda cenários onde existem vários interessados em otimizar os próprios ganhos, às vezes em conflito entre si. Por exemplo, imagine que em sua empresa você tem dúvidas sobe qual ação tomar para aumentar o lucro: reduzir o preço, lançar outro produto ou fazer uma campanha de marketing?
No caso de reduzir o preço, conhecendo a curva de demanda, se abaixar o preço em 3%, sua receita sobe 7% pois vai ganhar market-share. Você calculou a relação de preço versus vendas e, consequentemente, a migração de consumidores do produto concorrente para o seu.  Mas e se seu concorrente reagir e também abaixar o preço na mesma proporção? Como consequência da estratégia dele, o seu ganho, antes imaginado como aumento em 7%, muda para uma perda de 5% pois não aconteceu como você previu.
O resultado ganho (ganho ou perda) de uma decisão depende obrigatoriamente da movimentação dos dois concorrentes, tornando a tomada de decisão muito mais complexa. Por isso, você precisa saber quais são os ganhos ou perdas de cada combinação e identificar quais são os incentivos mais atraentes para seu adversário, sabendo que ele está imaginando quais são os seus ganhos para também tomar uma decisão.
Com essas informações e deduções, reduzir o preço não é uma boa estratégia. Então você imagina fazer uma campanha de marketing. Começa outro ciclo de previsões: como ele vai reagir neste caso? Ao se antecipar as ações do seu competidor você deve repensar antes de agir e visualizar todas as implicações de cada decisão, e ele fará o mesmo simultaneamente.
Por isso a melhor recomendação é: antes de tomar uma decisão, coloque-se no lugar do concorrente e imagine qual seria a reação dele dadas as ações e incentivos existentes. Simultaneamente ele fará o mesmo – entender quais são as suas motivações e ações para que ele tome a melhor decisão. Este é ciclo sem fim: você pensa que ele pensa que você pensa que ele pensa que...
Teoria dos jogos é isso: entender que sua decisão não é independente e ambos os ganhos dependem da combinação de muitas ações em cadeia até chegar em um equilíbrio. Este equilbrio é o chamado Equilibrio de Nash, em homenagem a John Nash Jr. Prêmio Nobel de 1994 e que foi personagem de Russel Crowe no filme Uma Mente Brilhante, ganhador do Oscar de 2002.
Teoria dos Jogos: o intuitivo agora sistematizado
Pensar no concorrente e nas ações-reações antes de agir parece ser muito intuitivo. Você já pensa assim, certo? Então, por que precisaria da Teoria dos Jogos para uma atitude tão óbvia? Resposta: porque a Teoria dos Jogos oferece metodologias que organizam o seu raciocínio nos jogos do cotidiano com seu concorrente, chefe, subordinado, colega de trabalho, cliente, movimento feminista, governo, consumidor e outros.
A Teoria dos Jogos como disciplina independente, não resolve todos os problemas, mas apresenta vários insights para melhorar seu pensamento estratégico como um elemento complementar das demais Teorias de Decisões. Para se aprofundar e para ser um bom estrategista, é importante unir os conceitos das disciplinas de Estratégia, da Economia Clássica e da Teoria Comportamental (heurísticas e vieses cognitivos). Neste último caso, quanto mais você souber quais são os incentivos e reais motivações do seu concorrente, maiores serão as suas chances de ganhar o jogo. A união de todos os elementos é uma grande forma para melhorar as suas decisões estratégicas.
No caso de reduzir o preço, conhecendoA Teoria dos Jogos é um dos modelos de decisão que mais contribui para um bom pensamento estratégico. Ela é chamada por muitos escritores como a ciência da estratégia. Em outras palavras, é sobre antecipar como os outros vão responder ao que você fará, quando simultaneamente eles estão pensando o mesmo sobre você. Na maioria das vezes, quando você toma uma decisão, onde cada um busca o melhor para si numa complexa relação de interdependência de estratégias similar a um jogo.
A Teoria dos jogos é um ramo da matemática aplicada que estuda situações estratégicas onde jogadores escolhem diferentes ações na tentativa de melhorar seu retorno. Inicialmente desenvolvida como ferramenta para compreender comportamento econômico e depois usada pela Corporação RAND para definir estratégias nucleares, a teoria dos jogos é hoje usada em diversos campos acadêmicos. A teoria dos jogos distingue-se na economia na medida em que procura encontrar estratégias racionais em situações em que o resultado depende não só da estratégia própria de um agente e das condições de mercado, mas também das estratégias escolhidas por outros agentes que possivelmente têm estratégias diferentes ou objetivos comuns.
Embora similar à teoria da decisão, a teoria dos jogos estuda decisões que são tomadas em um ambiente onde vários jogadores interagem. Em outras palavras, a teoria dos jogos estuda as escolhas de comportamentos ótimos quando o custo e beneficio de cada opção não é fixo, mas depende, sobretudo, da escolha dos outros indivíduos.
Ciência política
Pesquisas na ciência política também têm usado a teoria dos jogos. Uma explicação baseada na teoria dos jogos para a paz democrática é que o debate público e aberto da democracia envia informações claras e confiáveis a respeito da sua opinião em relação a outros estados. Em contraste, existe a dificuldade de se conhecer as intenções de líderes não democráticos, o que afeta as concessões a serem feitas, e se as promessas irão ser mantidas. Portanto haverá desconfiança e má vontade efetuar concessões se ao menos uma das partes na disputa e não democrática.[1]
A teoria dos jogos também pode ser utilizada na política na formação de coalisões (alianças) entre partidos. O poder de cada uma dessas coalisões pode ser determinado através do cálculo do Valor de Shapley (Shapley value).

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!